23 de julho de 2008

Desafiando a Cauda Longa

Jesper Andersen do O'Reilly Radar postou um artigo interessante sobre a teoria da cauda longa (the long tail) proposta por Chris Anderson, editor chefe da revista Wired. A teoria chamou a atenção tanto dos estudiosos da administração e como a dos executivos. De forma bastante resumida, ela defende que o resultado (receita bruta) obtido através da venda de produtos em diversos nichos é superior à venda de um produto no mainstream.

Em seu artigo, Andersen ressalta que a cauda longa é uma hipótese ainda não comprovada, pois ainda não há estudos estatísticos formais que comprovem sua existência. Isso mesmo, faltou a boa e velha metodologia científica...

Há ainda outras assunções ressaltadas pelo autor sobre a validade e impacto da cauda nos negócios, por exemplo, Anderson utiliza apenas receita bruta como indicador da cauda, e não lucratividade. Por outro lado é sabido que na indústria de manufatura a margem operacional diminui quando a quantidate (escala) de produtos fabricados também diminui. Portanto, apostar numa estratégia de nicho elevaria o risco do negócio.

O artigo ainda aponta para estudos feitos por pesquisadores da universidade de Harvard sobre a teoria da cauda longa. Andersen aponta oportunidade de melhoria em algumas das pesquisas já realizadas.

Trata-se de um texto bastante interessante. Leia na íntegra.

Nenhum comentário: